Finanças

Como investir de modo recorrente

Você sabe como investir de modo recorrente e quais são as vantagens nisso? Então, pare tudo que estiver fazendo, pois, vamos te mostrar como você pode começar a ter resultados nos seus investimentos de uma vez por todas!

Anúncios

por Joyce Viana

Publicado em 01/03/2021

Comece a investir dinheiro em 2021

Como investir de modo recorrente? (Imagem: comunidade rock content)<br/>”  id=”23899″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/be0e8e30-bce5-47cc-99fa-dfa8270c9399/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: comunidade rock content)

Depois de um ano cheio de incertezas, em meio a pandemia mundial do novo coronavírus, o número de pessoas endividadas cresceu de forma significativa, fazendo com que essas pessoas procurassem novas alternativas financeiras. Então, como investir de modo recorrente?

Isso porque, aprender a investir é uma forma de mudar a vida financeira, e construir novas bases, para deixar de estar entre os negativados, e de se preocupar com o futuro financeiro.

Hoje, vamos mostrar como você pode começar a investir, e outras informações úteis sobre o assunto.

Anúncios

O que é aporte mensal?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: URBE)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: URBE)

De início, sempre que uma pessoa decide começar a fazer investimentos com frequência, ou seja, todos os meses, ela estará fazendo um aporte mensal.

Ou seja, isso significa que parte das finanças deste investidor será direcionada para aplicações financeiras.

Então, essas aplicações serão da escolha dos investidores, podendo ser fundos de investimentos, assim como, Tesouro Direto, para que ele comece a investir.

É importante mencionar, que o ato de investir com frequência, faz com que os investidores tenham várias vantagens, entre elas: Poupar, e ter rentabilidade financeira.

Portanto, o aporte financeiro, vai muito além das consequências práticas, mas, principalmente, é composto por resultados a longo prazo.

Por que fazer o aporte mensal?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: remessa online)<br/>”  id=”23901″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/affadfb9-8f0b-46dc-b1bb-343f08496c84/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: remessa online)

Então, já entendemos o que é o aporte mensal, e por si só, a sua importância está diretamente ligada ao seu significado.

Isso porque, o aporte mensal é o ato de fazer investimentos financeiros com frequência, proporcionando rentabilidade ao investidor.

E, assim, o aporte possibilita que investidores que não possuam grandes montantes, possam começar os investimentos aos poucos.

Pois, por serem recorrentes, a longo prazo, os resultados pelos aportes frequentes virão para esses investidores.

Isso ocorre, pois os investimentos feitos a longo prazo, com rentabilidade, e aporte mensal frequente, terão maiores chances de se alcançar resultados.

Anúncios

Quanto deve ser o valor do aporte mensal?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: simplificando os investimentos)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: simplificando os investimentos)

Para saber o valor do seu aporte mensal, você precisa, antes de mais nada, conhecer seu orçamento por completo.

Isso porque, serão as receitas e despesas que irão determinar, quais são as quantias que você poderá investir todos os meses nas suas aplicações sejam quais forem.

Então, para se fazer um cálculo seguro e eficiente, elabore uma planilha com suas receitas e despesas, considerando a diferença entre esses dois valores.

Pois, o valor dessa diferença será sua margem para aportes mensais, ou seja, você irá delimitar os valores.

Se, durante sua análise, você perceber que não está sobrando ganhos ao término do seu mês, então será preciso aumentar a renda.

Ou seja, busque formas alternativas de ganhos financeiros e procure reduzir os gastos desnecessários.

Então, você poderá estabelecer os valores que serão separados todos os meses para os seus investimentos nas aplicações financeiras.

Como fazer aporte mensal nos investimentos?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: exame)<br/>”  id=”23902″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/2feb197b-6e37-4eac-a05f-bf48755a1f37/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: exame)

Na hora de se planejar para os aportes mensais, é preciso, antes de mais nada, ter disciplina para que haja frequência nos investimentos.

Para isso, procure estabelecer metas decisivas e o quanto será preciso para atingi-las em prazos determinados, a curto, médio e longo prazo.

Ou seja, as metas podem ser para comprar um imóvel, alcançar a independência financeira, se aposentar ou pagar uma faculdade.

E, assim, as metas de como investir e o seu perfil de investidor como conservador, moderado ou agressivo nas aplicações são fatores que irão ajudar a organizar a sua carteira de investimentos.

Então, algumas dicas de como investir poderão te ajudar para se tornar mais simples e com resultados concretos. Confira:

Faça planejamentos de como investir

Como investir de modo recorrente? (Imagem: tague negocios digitais)<br/>”  id=”23907″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/4be0c35d-0f0a-4e72-b90f-8ca9f447420e/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: tague negocios digitais)

De início, a primeira dica que temos é para que você faça planejamentos com os seus aportes mensais.

Ou seja, não invista sem saber exatamente o porquê, e de que forma os investimentos estão sendo realizados.

Isso significa, fazer escolhas inteligentes dos produtos que irão compor seus investimentos.

E, assim como, realizar uma análise financeira que permita que os aportes façam parte da sua estrutura de vida.

É importante mencionar, que nem sempre ter bons resultados, significa fazer aportes de grandes investimentos mensais.

Mas sim, fazer aportes direcionados e com a frequência necessária, para que ocorram da maneira correta.

Pois, a longo prazo, resultados sólidos e garantidos serão alcançados, desde que os planejamentos sejam realizados.

Defina os seus objetivos 

Como investir de modo recorrente? (Imagem: cevisa)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: cevisa)

Outra dica é para que você saiba delimitar os seus objetivos.

Ou seja, conheça o seu perfil de investidor, e entenda quais são os ativos que você pretende investir nos aportes mensais.

Então, monte uma carteira de investimentos diversificada, que esteja a sua disposição para que os aportes sejam seguros e tenham eficiência.

Isso porque, depois de delimitados os seus objetivos de como investir, você então estará pronto para dar seguimento aos aportes.

Cuidado com as taxas de corretagem

Como investir de modo recorrente? (Imagem: trovo academy)<br/>”  id=”23913″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/dcd5cf96-69d6-42c3-960d-d2bc45541f1e/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: trovo academy)

Outra dica, diz respeito às taxas de corretagem que são taxas cobradas pela corretora, fundo de investimento, banco ou gestora.

Isso porque, essas taxas podem ser bem altas, portanto, é preciso fazer uma pesquisa detalhada dos valores das taxas cobradas.

Então, se você pretende fazer investimentos pequenos de aportes mensais, a rentabilidade poderá ser reduzida pelas taxas.

Portanto, na hora de fazer aportes mensais, opte por corretoras que não cobram essas taxas de corretagem.

Cuidado com os valores mínimos

Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog do fernando)<br/>”  id=”23915″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/5989ceeb-e77d-4176-9ebc-a7695e9cdf96/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog do fernando)

Na hora de se fazer os aportes mensais, também recomenda-se que se analise os valores mínimos das aplicações dos produtos escolhidos por você.

Isso porque, há investimentos que podem possuir valores mínimos acima dos valores que você irá depositar todos os meses.

Então, pesquise a fundo sobre como investir, para se for necessário, trocar os produtos, ou, investir com espaços de tempo maiores.

Lembre-se de se pagar

Como investir de modo recorrente? (Imagem: sincoverg)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: sincoverg)

Para fechar nossas dicas, temos a última, e talvez mais importantes de todas, que é o fato de se pagar, ou seja, se dar prioridade.

Isso quer dizer que, os aportes mensais deverão ser uma prioridade dentro do seu orçamento.

Portanto, lembre-se de não fazer gastos desnecessários, e separar os valores necessários para os aportes mensais.

Quais os tipos de investimentos que permitem aporte mensal?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog paraná banco)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog paraná banco)

Infelizmente, não são todas as aplicações que permitem aportes, contudo, há boas opções para se fazer o aporte mensal.

Então, vejamos agora quais tipos de investimentos que permitem aporte mensal. Confira:

Poupança

Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog clear)<br/>”  id=”23923″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/8683f071-1e8d-4af7-83b3-881a5aa3ec32/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog clear)

De início, um dos primeiros investimentos que permitem aporte mensal, é a famosa poupança, modelo de investimento simples, e com resultados seguros.

E, além disso, uma das vantagens da poupança é a liquidez, por se tratar de um investimento básico para retirar dinheiro, em casos de emergências financeiras.

Outra vantagem da poupança, é o fato dela ser protegida pelo Fundo Garantidor de Crédito – FGC.

E, assim, esse fundo tem por função proteger os investidores contra possíveis calotes e falências das instituições financeiras que guardam seu dinheiro.

Contudo, uma das maiores desvantagens da poupança, é a baixa rentabilidade em comparação com as demais aplicações financeiras.

E, ela ainda apresenta rentabilidade mensal, e não diária, fazendo com que os ganhos só passem a acontecer a partir do aniversário mensal da poupança.

Tesouro Direto

Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog easynvest)<br/>”  id=”23926″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/6cfad3b3-cbcf-416a-92ff-e3f7b32201ca/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem: blog easynvest)

Outro investimento para se fazer aporte mensal, é o Tesouro Direto.

O Tesouro Direto é uma plataforma pública onde ocorrem a compra de títulos de renda fixa, como o Tesouro Selic e o Tesouro IPCA.

Então, os investidores podem fazer a compra de títulos públicos e privados todos os meses, e, depois transformá-los em aportes mensais.

E, além disso, o Tesouro Direto permite o agendamento da compra frequente de títulos através da plataforma, viabilizando ainda mais o acesso dos investidores.

Outra vantagem de como investir no Tesouro Direto, é a segurança e rentabilidade desses investimentos, portanto, é uma ótima opção para os investidores.

Fundos de Investimento

Como investir de modo recorrente? (Imagem:exame)<br/>”  id=”23928″ src=”https://cdn.adtechpanda.com/25802cda-3c90-4424-8dfd-a5afa29c3adb/undefined” class=”w-full sm:h-96 object-cover object-center border mx-auto uploadcare-image”/><figcaption class=Como investir de modo recorrente? (Imagem:exame)

Outra forma de investimento bastante vantajosa para se fazer aporte mensal, são os fundos de investimentos.

Isso porque, esses fundos captam recursos de várias pessoas, os cotistas, e assim, distribuem os investimentos de acordo com as estratégias de cada fundo de investimento.

E, esses fundos podem ser direcionados para aplicações em renda fixa e variável, ganhando um nome de acordo com sua composição.

Outra vantagem dos fundos imobiliários, é a possibilidade de se realizar aportes mensais no mesmo montante sem data de vencimento.

Portanto, faça uma análise para entender como funcionam cada uma das aplicações e taxas envolvidas nos fundos de investimentos, e de como investir com segurança em todas elas.

Fundos Imobiliários

Confira como você pode começar a investir em fundos imobiliários hoje mesmo!

Ações

Como investir de modo recorrente? (Imagem: investidor independente)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: investidor independente)

E, as ações também são aplicadas que podem ser realizadas nos aportes mensais, contudo, são as mais arriscadas desta lista.

Isso porque, a rentabilidade apresenta variações, ou seja, os investimentos precisam ser a longo prazo.

O fato é que a rentabilidade precisa ser a longo prazo, para que não ocorram surpresas ao longo do caminho.

Então, fazer aportes mensais em ações significa comprar novos papéis todos os meses, com valores que podem variar de forma significativa. 

Robôs de investimento

Como investir de modo recorrente? (Imagem: iDinheiro)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: iDinheiro)

Outra aplicação financeira em que os portes podem ser realizados, são os robôs de investimento, onde as aplicações também podem ser realizadas todos os meses.

Então, essa forma de aplicação se parece bastante com os fundos de investimento.

Contudo, no lugar dos gestores, estão algoritmos que entendem os seus objetivos financeiros e os traduzem em uma carteira diversificada de investimentos.

Portanto, os robôs apresentam segurança, liquidez, e rentabilidade necessários para aportes financeiros com bons resultados a longo prazo.

Vale a pena investir de modo recorrente?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: inteligencia rock content)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: inteligencia rock content)

Sim, os investimentos recorrentes possibilitam bons resultados financeiros a longo prazo.

Contudo, recomenda-se que os investidores estudem sobre educação financeira, e sobre os aportes mensais.

E, além disso, que tenham bons gestores que o acompanhem para que possam tomar as melhores decisões.

Portanto, vale a pena investir de modo recorrente, com segurança, liquidez e rentabilidade para os investidores.

Modal: Aprenda a como investir!

Veja como investir com segurança, rentabilidade e liquidez!

Como calcular a rentabilidade da carteira?

Como investir de modo recorrente? (Imagem: foregon)
Como investir de modo recorrente? (Imagem: foregon)

Para se fazer o cálculo da rentabilidade na carteira, recomenda-se que se considere:

  1. De início, o valor dos aportes mensais;
  2. Em seguida, a taxa de rentabilidade e;
  3. O período de investimentos financeiros.

E, assim, é preciso levar em consideração que ter rentabilidade hoje, não significa rentabilidade futura dentro dos aportes mensais.

Portanto, os aportes mensais buscam atingir objetivos de curto, médio e longo prazo de como investir, trazendo rentabilidade financeira para os investidores.

Veja como evitar golpes no PIX!

Confira como você pode evitar golpes no PIX!

Sobre o autor

Joyce Viana

Graduada em Direito pela PUC Minas. Pós Graduada em Direito Penal pela Faculdade Legale. Graduanda em Jornalismo pela Uninter. É produtora de conteúdo para diversos nichos, desde receitas e finanças, até beleza e saúde. Desde criança, fez da escrita sua melhor amiga, e nunca mais parou!

Em Alta

content

Conheça o aplicativo Fliper

Quer começar a criar sua reserva de emergência? Então, está na hora de criar sua carteira de investimentos, e o aplicativo Fliper pode ser uma boa opção.

Continue lendo
content

IPO: o que é?

Você sabe do que se trata o IPO e o seu impacto para o mercado financeiro? Listamos nesse post as principais informações do assunto. Veja!

Continue lendo
content

LCI ou Tesouro Direto: qual escolher?

LCI ou Tesouro Direto: conheça aqui o que são esses títulos de renda fixa, veja como investir e ainda como escolher o melhor para você.

Continue lendo

Cartões

Como solicitar cartão BB Universitário

Quer um cartão universitário para te ajudar na correria do dia a dia, sem te cobrar nada para isso? Então, confira aqui como solicitar o cartão de crédito BB Universitário.

Cartão BB Universitário: anuidade grátis e ótimo limite de crédito

Em primeiro lugar, o cartão BB Universitário quer facilitar a vida dos estudantes, por isso não possui anuidade. Além disso, você não precisa comprovar sua renda para ter um cartão com até R$1.500 de limite, basta enviar seu comprovante de escolaridade.

Com isso, você vai aproveitar um cartão internacional com bandeira Visa, descontos especiais em eventos, etc. Ademais, quer saber como ter o seu? Então, acompanhe o passo a passo, a seguir.

card

Cartão de Crédito

BB Universitário

Internacional Visa

Anuidade grátis, descontos em eventos culturais e esportivos, benefícios da bandeira.

Você será redirecionado para outro site

Solicitar online

Para solicitar o cartão, você precisa possuir o aplicativo do Banco do Brasil, já que a solicitação é feita por ele de forma rápida e prática. Se você estiver com dúvidas ou quiser saber mais sobre o cartão, pode acessar o site oficial.

Solicitar via telefone

A central de atendimento do Banco do Brasil é voltada para o esclarecimento de dúvidas e atendimento aos clientes. Por isso, não é possível fazer a solicitação do cartão através do telefone. Mas, se precisar entrar em contato com o banco os números estão dispostos abaixo.

  • 4004 0001 (capitais e regiões metropolitanas);
  • 0800 729 0001 (demais localidades).

Solicitar pelo aplicativo

Antes de mais nada, para fazer a solicitação do cartão BB Universitário pelo aplicativo, você deve baixá-lo em seu smartphone através da Play Store ou da App Store. Com ele instalado, você precisará apenas informar seus dados pessoais, enviar os documentos necessários e aguardar a aprovação do cadastro.

Com o cadastro aprovado, basta você fazer o pedido na sessão de cartões, direto no aplicativo. Aliás, é no app que você confere as opções disponíveis e depois de escolher o seu cartão, basta aguardar a análise e o envio dele.

Cartão Santander SX ou cartão BB Universitário: qual escolher?

Conforme vimos acima, o cartão BB Universitário é principalmente para estudantes, por isso ele não atende os demais clientes. Por isso, se você não estuda e, ainda, sim procura um bom cartão, pode optar pelo Santander SX.

Ademais, ele possui outras características e condições, bem diferentes do BB Universitário, e pode ser a melhor opção para quem quer um cartão completo. Aliás, quer saber quais as principais diferenças entre os dois? Então, confira a tabela abaixo.

Cartão Santander SXCartão BB Universitário
Renda MínimaR$ 500 para correntistas
R$ 1.045 para não correntistas
Não exigida
AnuidadeR$399,00Isenta
BandeiraMastercard ou VisaVisa
CoberturaInternacionalInternacional
BenefíciosDescontos especiais em parceiros, acesso a benefícios da bandeira, possibilidade de isenção da anuidadeSem anuidade, descontos em eventos culturais e esportivos, benefícios da bandeira e do banco
Mas, afinal, quais as diferenças entre os cartões?

Como solicitar cartão Santander SX

Agora o Santander Free é Santander SX. Por isso, saiba como solicitá-lo e ter isenção de anuidade, além de diversos outros benefícios do banco e da bandeira Visa.

Você também pode gostar

content

Como investir na Clear: passo a passo

Quer saber como investir na Clear? Então, confira tudo que você precisa saber sobre a corretora e comece hoje mesmo!

Continue lendo
content

Como solicitar o cartão pré-pago Aliexpress

Aprenda a solicitar o seu cartão pré-pago Aliexpress online, pelo telefone ou via aplicativo. Conheça algumas de suas características e benefícios.

Continue lendo
content

Cartão Agibank Mastercard: o cartão da inclusão digital!

Descubra os benefícios, vatangens e singularidades do Cartão Agibank Mastercard. Saiba o motivo dele ser conhecido como o cartão da inclusão digital.

Continue lendo