Finanças

Entenda o que é Ebitda

Quer investir em renda variável e ainda não conhece o Ebitda? Então fique com a gente que vamos te mostrar seu conceito e como calcular.

Anúncios

por Fernanda Weber

Publicado em 16/04/2021

Ebitda

O Ebitda mostra a capacidade da empresa de gerar caixa. Crédito: Pexels
O Ebitda mostra a capacidade da empresa de gerar caixa. Crédito: Pexels

No momento em que você decidir adentrar o mundo da renda variável, vai se deparar com uma série de termos diferentes. Entre estes está o Ebitda. Mas, você sabe o que ele significa?

Em suma, o Ebitda mostra o resultado operacional de uma empresa. Ou seja, ele avalia a eficiência e produtividade do negócio, bem como sua capacidade de gerar lucro.

Como é essencial conhecer mais a fundo esse termo, vamos te mostrar hoje o que você precisa saber e ainda de que forma é possível calcular a geração de lucro das empresas de capital aberto.

Anúncios

Saiba o que significa este conceito

Ebitda é uma sigla em inglês que significa: Earnings before interest, taxes, depreciation and amortizations. Isto é, no bom e velho português, o lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização.

Aqui no Brasil, por conta da tradução, o Ebitda também é conhecido como Lajida. No entanto, apesar de ser muito importante para avaliar o quanto uma empresa consegue gerar lucro, nem todos os demonstrativos financeiros apresentam esse balanço.

Por isso, vamos te mostrar o que a sigla significa, onde você encontra essa informação, como pode calculá-la e ainda quais são suas vantagens e desvantagens.

O que é o Ebitda de uma empresa?

Em resumo, o Ebitda monstra a eficiência de uma empresa em gerar valor a partir de sua atividade fim (a atividade para a qual a empresa existe).

Em outras palavras, isso significa avaliar como a empresa administra a sua atividade principal e de que forma ela gera mais capital.

O Ebitda não considera nenhuma entrada financeira além da que é gerada pelo caixa. Portanto, não se leva em conta o retorno de investimentos, juros de aplicações, entre outros.

Nesse caso, o cálculo do indicador também não considera possíveis benefícios fiscais que a empresa possa ter e que influenciam seu fluxo de caixa, mas não a geração de caixa.

Outra característica do Ebitda está no fato dele excluir qualquer tipo de despesa da sua conta. Assim sendo, o seu valor nos diz qual é a capacidade efetiva que a empresa tem para competir no mercado.

Dessa forma, quando seu valor é positivo e crescente, consideramos que a geração de caixa está adequada. Afinal, a cada período, seu valor aumenta.

Agora, quando o valor é negativo ou decrescente, você precisa avaliar com calma as finanças da empresa e ligar um sinal de alerta. Isso porque ela não está gerando caixa suficiente para cobrir suas despesas.

O que fazer para ter renda própria?

Optar por ser um microempreendedor individual e trabalhar na internet para fazer renda própria é uma ótima alternativa para ganhar mais dinheiro. Clique e saiba mais!

Anúncios

Qual é a função do Ebitda?

Com o Ebitda é possível avaliar se o negócio consegue gerar retorno financeiro. Crédito: Pexels
Com o Ebitda é possível avaliar se o negócio consegue gerar retorno financeiro. Crédito: Pexels

De modo geral, ele tem a função de demonstrar qual é a capacidade da empresa em gerar retorno financeiro.

Por isso, podemos considerá-lo como um índice de eficiência e produtividade da empresa. 

Nesse sentido, o ideal é que o Ebitda aumente ao longo do tempo. Caso contrário, deve-se avaliar o que está acontecendo, porque a empresa não consegue gerar valor suficiente, com suas atividades fins, para cobrir suas despesas.

Portanto, podemos dizer que o Ebitda tem a função de fazer o demonstrativo da evolução de geração de caixa de um negócio.

E ainda, vale lembrar que não existe um número mágico para a empresa alcançar. O valor ideal depende de fatores como, por exemplo: setor de atuação, tipo de produto, valor de mercado, concorrência, entre outros.

Como calcular o Ebitda?

Em primeiro lugar, precisamos avisar que existe um jeito bem simples de saber qual é o Ebitda de uma empresa de capital aberto listada na bolsa de valores.

Para isso, basta conferir o documento “Demonstrações de Resultados do Exercício”. Mas, onde encontrar esse documento?

Em suma, todas as empresas com capital aberto geram esse documento a cada três meses e o publicam em seu site de relacionamento com o investidor. Para acessar esse site, basta procurar em seu navegador pelo nome da empresa mais a sigla RI.

Dito isto, se a empresa não divulgar este número, você mesmo pode calculá-lo. 

Antes de pensar no Ebitda, precisamos calcular outro indicador, o Ebit, que é o lucro antes dos juros e tributos. Para isso, o cálculo é o seguinte:

  • EBIT (lucro operacional líquido) = receita líquida de vendas – custos dos produtos vendidos – despesas operacionais

Depois que você chegar ao valor do seu lucro operacional líquido, pode calcular o Ebitda:

  • EBITDA = EBIT + depreciações + amortizações

Além disso, caso você tenha achado o Ebit muito parecido com o Ebitda, saiba que eles são, essencialmente, diferentes. 

Isso porque o Ebit é o lucro da empresa com as atividades do negócio. Enquanto que o Ebitda é a capacidade que esse negócio tem para gerar lucro.

Quais as vantagens e desvantagens de utilizá-lo como indicador de saúde financeira?

Veja as vantagens e desvantagens deste indicador. Crédito: Pexels
Veja as vantagens e desvantagens deste indicador. Crédito: Pexels

Por fim, precisamos falar das vantagens e desvantagens do Ebitda. Em primeiro lugar, veja algumas das vantagens desse indicador:

  • Ajuda o analista financeiro a entender mais sobre a empresa e qual a sua capacidade de gerar caixa.
  • Não considera eventos financeiros não recorrentes como juros recebidos e benefícios fiscais temporários para que, com isso, consiga avaliar melhor como a empresa se comporta dentro do seu mercado.
  • Mostra o real desempenho da empresa sem considerar outros ganhos além do operacional.
  • Demonstra qual é a produção e a eficiência do negócio.
  • Indica a capacidade de gerar caixa.
  • É universal, ou seja, permite avaliar empresas de diversos países ao mesmo tempo.

Já em relação às desvantagens, podemos citar:

  • Não ser usado para analisar instituições financeiras. Calcular o Ebitda de bancos e outras instituições financeiras ajudaria a entender mais o funcionamento destes negócios e qual é a capacidade deles de gerar lucro.
  • Demanda um nível um pouco mais elevado de conhecimentos financeiros.
  • Não há uma métrica bem definida do que as empresas podem considerar na hora de fazer o cálculo.
  • Não demonstra a saúde financeira completa do negócio. Afinal, não temos como avaliar o endividamento da mesma a partir do Ebitda.
  • Só pode ser usado em conjunto de outras métricas.

Enfim, seja como for, esse indicador é muito usado em análises fundamentalistas de empresas listadas na bolsa de valores. 

Caso você esteja começando e ainda não conseguiu entender bem como funciona esse tipo de investimento, sugiro a leitura do artigo que deixei aqui embaixo:

Qual a diferença entre renda fixa e renda variável

Está começando a investir? Então saiba tudo sobre renda fixa e renda variável para não errar na escolha e começar a construir seu patrimônio.

Sobre o autor

Fernanda Weber

Produtora de conteúdos digitais e redatora web com formação na área de Letras. Atua com produção de conteúdos sobre educação financeira e deseja levar seus conhecimentos práticos para mais pessoas e assim ajudá-las a lidar melhor com seu dinheiro.

Revisado por

Tathiane Mantovani

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Conheça o cartão Caixa Universitário

É estudante e está procurando por um cartão cheio de benefícios e aceito internacionalmente? Confira neste post o cartão Caixa Universitário.

Continue lendo
content

Recomendador Senhor Finanças – Conheça o Consórcio Imobiliário Santander

Com o consórcio imobiliário Santander, você compra o seu imóvel sem juros! Então, veja aqui mais informações sobre este produto financeiro.

Continue lendo
content

Cartão Next 100% grátis, mimos e descontos exclusivos

O cartão Next é 100% grátis, ou seja, você não paga anuidade, taxa de manutenção e ainda tem saques e transferências ilimitadas. Conheça!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como funciona investir com a corretora Clear

Quer saber como é investir na corretora Clear? Então, leia o post e entenda quais são os custos, as vantagens, as desvatagens e muito mais!

Continue lendo
content

Financiar ou alugar: qual a melhor opção?

Está pensando em financiar ou alugar um imóvel? Leia aqui qual a vantagem e desvantagem de cada uma das opções e descubra a melhor escolha.

Continue lendo
content

O cartão Santander SX é crédito ou débito?

Se você tem interesse e quer saber se o cartão Santander SX é crédito ou débito, vamos te ajudar! Clique aqui e confira agora mesmo!

Continue lendo