Educação financeira

Como investir em Tesouro Direto em 2021

Se você quer entender como investir em Tesouro Direto, então está no lugar certo! Hoje em dia, os investimentos estão cada vez mais acessíveis e já é possível começar com valores acima de R$ 30,00. Então, confira aqui quais as suas principais características e descubra como investir!

por

Amanda Laet

Publicado em

| Atualizado em

ANÚNCIOS

Tesouro Direto: investimentos acessíveis para você planejar o seu futuro e conquistar os seus sonhos

Mas, afinal, como investir em Tesouro Direto? Fonte: Pexels.

Você sabia que investir em Tesouro Direto é uma das modalidades mais seguras de investimento e o seu rendimento é maior do que a poupança? É isso mesmo!

Sem dúvida, as aplicações em Tesouro Direto têm crescido no gosto do brasileiro, mas muita gente ainda não sabe como fazer o seu primeiro investimento.

Além disso, investir está se tornando muito mais acessível nos últimos anos e você não precisa ser um especialista ou ter muito dinheiro para começar.

Então, se você quer saber mais sobre essa categoria e descobrir se ela é uma boa opção para a sua vida financeira, continue a leitura e confira as nossas dicas a seguir!

Conteúdo Recomendado

Como fazer o primeiro investimento em 2021

Pensando em fazer o primeiro investimento? Neste conteúdo, você vai encontrar uma lista dos mais indicados para quem está começando!

Por que investir em Tesouro Direto?

Pois bem, o Tesouro Direto é um programa do governo federal, criado para facilitar o acesso aos títulos públicos, sendo uma opção interessante de renda fixa.

Assim, ao fazer os seus investimentos, é como se você emprestasse dinheiro para o governo com a compra desses títulos e em retorno recebesse os juros relativos ao empréstimo.

Por conta disso, o Tesouro Direto é a maneira mais segura de investir o seu dinheiro, pois ele é garantido pelo Tesouro Nacional, órgão governamental responsável por administrar os recursos financeiros do país.

Outro motivo para investir em Tesouro Direto é que o programa oferece diversos tipos de investimento para você escolher os que mais se adequam às suas necessidades.

Dessa forma, você pode escolher o tipo de rentabilidade (prefixada, pós-fixada ou híbrida), o prazo de vencimento e o fluxo de remuneração do seu investimento.

Qual o momento de começar a investir dinheiro no Tesouro?

Mas, afinal, qual o momento de começar a investir no Tesouro? Fonte: Pexels.

Pois bem, muita gente acha que é preciso de muito dinheiro para começar a investir em Tesouro Direto ou então que é necessário ser um especialista em finanças.

Porém, os investimentos se tornaram muito mais acessíveis com o crescimento dos serviços digitais. Por isso, hoje em dia, qualquer pessoa que tenha uma conta bancária e CPF, pode começar a investir.

Assim, por ser uma categoria segura e 100% digital, o Tesouro Direto é uma ótima alternativa para quem está querendo fazer o seu primeiro investimento ou mesmo para quem quer diversificar a carteira de ativos.

Dessa forma, é importante fazer um bom planejamento financeiro e entender os seus objetivos para escolher quais são as melhores aplicações para você. Ademais, entender o seu perfil de investidor como conservador, moderado ou agressivo também irá ajudá-lo a tomar essa decisão.

Depois de analisar esses pontos, você já pode começar a investir em Tesouro Direto, mesmo com pouco dinheiro!

Conteúdo Recomendado

O que são os títulos públicos e como investir

Saiba tudo sobre os títulos públicos e comece a montar sua reserva de emergência o quanto antes para ter maior segurança financeira!

Quais são as vantagens do Tesouro Direto?

Pois bem, um de seus principais benefícios é que o Tesouro Direto é mais seguro do que outras categorias de ativos, já que o governo federal é o emissor dos títulos públicos.

Ademais, o processo é bastante acessível e basta possuir conta bancária e CPF para começar a aplicar o seu dinheiro. Sem falar que ele é 100% digital e você pode controlar as suas finanças sem sair de casa!

Outra vantagem que atrai diversos investidores é que você pode começar a investir em Tesouro Direto com R$ 30,00. Dessa forma, não é preciso desembolsar grandes quantidades de dinheiro para ter rendimentos.

E por falar em rendimentos, a rentabilidade do Tesouro Direto é maior do que a poupança. Então, você não tem mais desculpas para manter o seu dinheiro na caderneta, já que existem opções muito mais atraentes no mercado!

Quais os rendimentos do Tesouro Direto?

Então, quais os rendimentos do Tesouro? Fonte: Unsplash.

Pois bem, o Tesouro Direto não tem apenas uma opção de rentabilidade. Por isso, é interessante analisar todas as opções para escolher a que mais se encaixa no seu perfil e nos seus objetivos financeiros.

Assim, os títulos públicos têm sua rentabilidade definida de três formas: prefixados, pós-fixados ou híbridos.

Então, ao escolher um título prefixado, você já sabe qual será o seu retorno futuro, pois ele é atrelado a uma taxa fixa. Porém, é importante lembrar que o rendimento só terá esse valor, caso seja resgatado no vencimento e não antes dele.

Caso escolha os pós-fixados, você já sabe quais serão os critérios de rendimento, porém o retorno total é atrelado a uma taxa variável, como a Selic. Assim, você só descobre o valor exato no momento do resgate.

Por fim, os títulos híbridos mesclam uma taxa fixa e uma variável. Assim, uma parte do rendimento já é estabelecida no momento da compra e a outra parte irá variar de acordo com um indicador financeiro, como o IPCA.

Conteúdo Recomendado

LCI ou Tesouro Direto: qual escolher?

Vamos te mostrar como investir em LCI e Tesouro Direto para que você escolha a melhor opção de acordo com o seu perfil!

ANÚNCIOS

É necessário uma corretora para investir no Tesouro Direto?

Então, agora que você já conhece como o Tesouro Direto funciona, a dúvida é: preciso de uma corretora para começar a investir? E a resposta é sim.

Dessa forma, não é possível fazer a compra dos títulos públicos por conta própria e você vai precisar de um banco ou corretora habilitados para investir em Tesouro Direto.

Assim, é por meio dessas instituições que você faz a compra e o resgate dos seus investimentos.

Por isso, analise as opções disponíveis no mercado e escolha um banco ou corretora confiáveis e que se adequem às suas preferências!

Como investir em Tesouro Direto?

Então, como investir em Tesouro Direto? Fonte: Unsplash.

Pois bem, se você ficou interessado em investir em Tesouro Direto, saiba que o processo é bastante simples e prático!

Em primeiro lugar, abra a sua conta em um banco ou corretora habilitados, fornecendo os seus dados pessoais e outras informações solicitadas. Depois disso, acesse a sua conta e faça o cadastro no Tesouro Direto.

Então, faça uma simulação do seu investimento para encontrar as opções mais interessantes para o seu perfil. Isso pode ser feito tanto na sua corretora quanto no site do Tesouro Direto.

Após finalizar o cadastro e a simulação, basta transferir dinheiro para a corretora ou banco e começar a investir! Ademais, os investimentos podem ser feitos tanto pela plataforma da instituição quanto pelo portal ou app oficiais do Tesouro Direto.

Assim, essa é uma oportunidade e tanto para você cuidar das suas finanças e ter mais qualidade de vida no futuro, não é mesmo? Então, planeje os seus investimentos e não perca tempo para alcançar a liberdade financeira!

E se você quer mais dicas sobre o mundo das finanças e dos investimentos, continue a leitura com o nosso conteúdo recomendado abaixo!

Conteúdo Recomendado
evite burlas financeiras

Investir com banco ou corretora?

Para decidir investir com banco ou corretora saiba que bancos podem oferecer taxas maiores, mas corretoras demandam uma nova conta. Saiba mais e escolha a melhor opção!

Amanda Laet

Graduada em Letras e pós-graduada em Tradução. Atua como redatora, revisora e tradutora autônoma de diversos temas. Por meio da escrita, busca transmitir informações a todas as pessoas que querem aprofundar seus conhecimentos ou aprender algo novo.

Cartões

Como solicitar cartão BTG + Opção Avançada

O cartão BTG + Opção Avançada oferece exclusivo programa de pontos para quem gosta de viajar. Se esse é o seu perfil, veja como pedir o seu!

por

Tathiane Mantovani

Publicado em

| Atualizado em

Cartão BTG + Opção Avançada

Mas, afinal, como funciona o cartão? Fonte: BTG+.

Primeiramente, o cartão BTG + Opção Avançada é internacional com bandeira Mastercard. Por isso, você pode utilizá-lo para fazer compras à vista e parceladas em milhares de estabelecimentos físicos e online credenciados à bandeira dentro e fora do Brasil.

Mas vale destacar que este produto financeiro oferece muitas vantagens, como isenção de rolha, Programa Mastercard Surpreenda, Mastercard Travel Rewards, MasterSeguro de Automóveis, Concierge Mastercard, Mastercard Airport Concierge, Invest+ (opcional), MasterAssist, entre outros benefícios.

Aliás, ficou interessado? Ademais, quer saber como solicitá-lo? Então, continue a leitura e confira!

Solicitar online

Afinal, como solicitar online? Fonte: Pexels.

Para solicitar é necessário ser correntista do Banco BTG+, assim como ter uma renda mínima de R$ 7.000,00. Então, se você se encaixa neste perfil, basta acessar o app da instituição financeira e, em seguida, fazer o processo de solicitação.

Solicitar via telefone

Ademais, não há processo de solicitação via telefone, mas você pode entrar em contato para sanar dúvidas sobre o cartão e o processo pelos números:

  • 3003 9500 (Capitais e regiões metropolitanas);
  • 0800 777 9500 (Demais localidades).

Solicitar pelo aplicativo

Pois o processo de solicitação deve ser feito no app do banco. Ademais, basta acessá-lo, localizar o cartão e preencher o pedido. Em seguida, é necessário aguardar a análise de crédito. Então, se você for aprovado, o cartão BTG + Opção Avançada é enviado para o seu endereço.

Cartão BTG + Opção Básica ou BTG + Opção Avançada: qual escolher?

qual é o melhor cartão? Fonte: Falando de viagens.

Então, se você chegou até aqui, mas percebeu que o cartão BTG + Opção Avançada não atende às suas necessidades. Mas, fique tranquilo! Pois existem diversos produtos financeiros no mercado que podem te atender. Ademais, dentre eles podemos citar o cartão BTG + Opção Básica que oferece benefícios Mastercard Gold. Então, veja as características dos dois cartões e, em seguida, compare-os:

BTG + Opção BásicaCartão BTG + Opção Avançada
AnuidadeIsenta (sem Invest+)
R$ 30,00 (com Invest+)
R$ 15,00 (sem Invest+)
R$ 45,00 (com Invest+)
Renda MínimaSalário mínimoR$ 7.000,00
BandeiraMastercardMastercard
CoberturaInternacionalInternacional
BenefíciosPrograma Mastercard SurpreendaPrograma Mastercard Travel Rewards
Mas, afinal, qual é o melhor cartão?
Continuar Lendo

Em Alta