Educação financeira

Reserva de emergência: onde investir dinheiro em 2021

A reserva de emergência é como se fosse um cofrinho que você pode usar quando surgir uma urgência que demande dinheiro. Saiba onde investir.

Anúncios

Aprenda onde montar uma reserva para o futuro

A reserva de emergência é o cofrinho dos adultos. Fonte: Pixabay
A reserva de emergência é o cofrinho dos adultos. Fonte: Pixabay

Sabe aquele cofrinho de moedas que a gente tinha quando criança e abria sempre que precisava de um dinheiro rápido? Pois a reserva de emergência é o cofrinho dos adultos.

Afinal, não dá para ficar contando moeda para sempre nem guardando tudo numa caixinha que não rende nada.

Por isso, queremos te mostrar hoje o que é essa tal reserva dos adultos, porque é importante ter uma e quando começar. Além disso, vamos te mostrar 5 lugares para investir seu dinheiro.

Quer começar a pensar no futuro? Então venha comigo e descubra!

Anúncios

O que é a reserva de emergência?

No início do texto falei que a reserva de emergência é como um cofrinho que podemos recorrer quando precisamos de dinheiro para alguma coisa urgente.

Na prática, é exatamente isso!

Afinal, como o próprio nome já anuncia, trata-se de uma reserva financeira para cobrir alguma emergência que dependa de dinheiro.

Mas, quanto devo ter guardado?

Em suma, os especialistas recomendam entre 6 e 12 meses do seu custo de vida. Assim sendo, se você gasta em torno de R$2000, sua reserva precisa estar em R$12 mil.

No entanto, se você não tem nada guardado até agora, não se desespere!

Isso porque, pode começar a montar essa reserva aos poucos. A partir de R$30 você já consegue comprar títulos do Tesouro Direto, por exemplo, e pode juntar um pouco a cada mês até ter o valor que precisa.

Qual a importância da reserva de emergência?

Em síntese, a reserva de emergência precisa ter como destino alguma urgência que você tenha. Por exemplo:

  • se você perdeu o emprego e não tem mais nenhuma renda
  • caso precise consertar seu carro
  • se tiver uma despesa médica

Assim sendo, ela é importante para manter o equilíbrio das suas contas e para evitar que você precise recorrer a empréstimos e cheque especial quando acontecer uma situação que fuja do seu controle.

Anúncios

Onde investir dinheiro para construir sua reserva?

Em primeiro lugar, antes de pensar onde investir a sua reserva de emergência, você precisa entender que:

  • se trata de um investimento que precisa estar disponível quando houver a urgência
  • apesar de render um pouco por mês, a ideia é que ele tenha mais liquidez do que rentabilidade

Mas, o que é liquidez?

Basicamente, a liquidez é a facilidade para que você tenha acesso ao dinheiro quando precisar. Desse modo, ao construir sua reserva você precisa aplicar o dinheiro em investimentos que permitam sacar o montante antes do vencimento.

Só para ilustrar, pode optar por CDBs ou títulos públicos com liquidez diária ou ainda por contas digitais em que o dinheiro rende ao menos 100% do CDI.

Porém, para investir em CDBs e títulos do Tesouro Direto, lembre-se de que precisará ter com em uma corretora de valores. Em resumo, as corretoras são um intermediário entre você e o investimento e não temos como fugir delas.

Confira, portanto, 5 opções de corretoras:

Modal Mais

Modal Mais
Modal Mais

A Modal Mais, em resumo, é uma corretora que surgiu a partir do Banco Modal. Ela é reconhecida por ser um local confiável para fazer investimentos em títulos de renda fixa, ideais para montar a reserva de emergência.

Além disso, ao abrir uma conta, você pode acessar também informações e dicas sobre investimentos.

A única desvantagem que podemos considerar é que a corretora também funciona como banco. E entendemos como um ponto negativo, pois, às vezes, o cliente pode não ter acesso a todos os produtos financeiros.

Para saber mais sobre essa corretora e como começar a investir, confira o post abaixo.

Passo a passo para investir com a ModalMais

Conheça a corretora Modal Mais e descubra como começar a investir nessa corretora que oferece bons ativos e segurança na hora de começar.

Rico

Corretora Rico
Corretora Rico

A Corretora Rico oferece boas condições para quem deseja investir por meio dela. Vinculada ao Grupo XP (que também é dono da XP Investimentos e da Clear), a Rico tem como diferencial o fato de não cobrar taxa de corretagem.

Mesmo que essa vantagem se destine, principalmente, para quem investe em renda variável (ações e fundos imobiliários, por exemplo), ainda assim vale a pena usar esta corretora para montar sua reserva de emergência.

Por fim, vale lembrar que ela não disponibiliza muitos tipos de aplicações para a sua reserva. Mas, as opções disponíveis são boas e você pode considerá-las, com certeza.

Quer aprender como fazer seu primeiro investimento nessa corretora? Então confira abaixo o passo a passo que preparamos.

Como fazer o primeiro investimento na Rico

Confira o que você precisa saber para tomar a melhor decisão e começar a investir com a Rico hoje mesmo. Ademais, a Rico oferece ótimas condições na renda fixa, veja.

XP Investimentos

XP Investimentos
XP Investimentos

Sem dúvida, a XP Investimentos é uma das maiores corretoras do Brasil e possui grande presença no mercado. Além de ter investimentos por aqui, a empresa está expandindo sua atuação para outros países como os Estados Unidos.

Para quem está começando, a XP oferece aplicações em Tesouro Direto, CDBs e até LCIs e LCAs, ideias para a reserva de emergência. Além disso, não cobra corretagem ao investir nesses ativos.

No entanto, a corretora cobra uma taxa de operação quando você decide investir também em renda variável e esse é seu ponto negativo.

Para entender melhor como começar a investir por essa corretora, confira o conteúdo recomendado.

Como fazer investimento na XP Investimentos

Saiba como abrir a sua conta na XP Investimentos e conheça as principais opções de aplicação para você que está começando a investir e montando a reserva de emergência.

Clear

Clear Corretora
Clear Corretora

A Clear foi uma das primeiras corretoras a apostarem no benefício da corretagem zero. Desse modo, ao aplicar sua reserva de emergência com essa corretora, você tem a garantia de que não pagará custos extras.

Ademais, a Clear conta com uma gama enorme de investimentos para você escolher: desde os mais simples em renda fixa (ideais para a reserva financeira) até operações mais complexas na renda variável.

O único defeito dessa corretora parece estar em seu aplicativo. Isso porque os usuários relatam que ele demora um pouco para carregar e está difícil investir por ali. Mas você pode usar o site sem problemas.

Se quiser entender como fazer seu primeiro investimento pela corretora, clique no post em seguida.

Como fazer o primeiro investimento na Clear

Quer investir na corretora que tem taxa zero para todos os seus produtos? Então, confira aqui como abrir a sua conta e fazer o seu primeiro investimento agora mesmo!

Toro Investimentos

Toro
Toro

Em suma, a Toro Investimentos possui mais opções de aplicações para quem investe em renda variável. Afinal, possui boa parte de suas estratégias voltadas para o público trade.

No entanto, ainda assim possui disponível investimentos em renda fixa que são os ideais para construir sua reserva de emergência.

Como desvantagem podemos citar a falta de liberdade que a corretora dá aos investidores. Isso porque, ela possui pacotes de aplicações definidos e não mostra com clareza como fazer outras aplicações.

Apesar disso, vale a pena saber mais sobre a Toro e, por isso, sugerimos que veja o conteúdo completo que a equipe do Senhor Finanças preparou:

Conheça a corretora Toro

A Toro oferece a seus clientes acesso às melhores plataformas de trade, com taxa zero. Mas será que ela vale a pena? Descubra aqui!

Quando começar uma reserva de emergência?

Quebre o seu cofrinho e comece a montar sua reserva de emergência. Fonte: Pexels
Quebre o seu cofrinho e comece a montar sua reserva de emergência. Fonte: Pexels

Pois bem, para resumir tudo até aqui, podemos dizer que a hora de começar a montar sua reserva de emergência é agora.

Afinal, não importa a idade, credo ou situação social, todos nós podemos ter imprevistos financeiros e precisamos nos preparar.

Desse modo, mesmo que você não ganhe muito por mês, tente começar guardando um pouco a cada mês.

Só para ilustrar, a partir de R$30 você já consegue adquirir títulos do Tesouro Direto. Ou seja, pode começar por aí e montar uma reserva de 3 meses, por exemplo.

À medida que o tempo passa, pode estudar, economizar mais e até fazer uma renda extra e aumentar o valor que investe todos os meses.

Então, é hora de quebrar o cofrinho uma última vez e começar a montar uma reserva para seu futuro. Vamos começar?

Sobre o autor

Fernanda Weber

Produtora de conteúdos digitais e redatora web com formação na área de Letras. Atua com produção de conteúdos sobre educação financeira e deseja levar seus conhecimentos práticos para mais pessoas e assim ajudá-las a lidar melhor com seu dinheiro.

Em Alta

content

Como fazer empréstimo online no carnê

Você sabia que pode fazer um empréstimo online e pagar no carnê? Pois é isso mesmo! confira aqui como funciona esse velho conhecido nosso.

Continue lendo
content

Como economizar dinheiro ganhando pouco

Aprenda como economizar dinheiro ganhando pouco, confira as dicas que separamos para que você ponha em prática ainda esse ano.

Continue lendo
content

Conheça o cartão de crédito TD Double Up

O cartão de crédito TD Double Up é um produto financeiro com cashback e sem anuidade. Conheça tudo sobre ele aqui agora mesmo.

Continue lendo

Dicas

20 Cursos de finanças pessoais gratuitos

Conheça os melhores cursos de finanças pessoais gratuitos, de Serasa a FGV, e comece hoje mesmo a mudar como você lida com o seu dinheiro.

Cursos de finanças pessoais gratuitos

Nós, brasileiros, ainda temos muita dificuldade para lidar com dinheiro, finanças pessoais e investimentos básicos. Em suma, a maioria da população ainda não pratica a educação financeira em sua vida. Para que essa história mude, vamos te mostrar 20 cursos de finanças pessoais gratuitos.

Com eles, você poderá aprender mais sobre educação financeira e já conseguirá fazer alguns investimentos básicos. Ademais, eles são importantes para que você entenda como sair das dívidas e tenha uma relação melhor com seu dinheiro.

O que são finanças pessoais?

Em síntese, finanças pessoais significa a aplicação de conceitos de administração para gerenciar as contas da sua casa.

Trazer esse conceito para a sua vida tem o objetivo de dar mais controle sobre seus ganhos e de deixar mais preparado para momentos de crise.

Portanto, ter o controle de seus gastos e ganhos garantem que as finanças pessoais sejam saudáveis e você tenha mais tranquilidade.

Qual a importância de organizar as finanças pessoais?

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, não é difícil manter o controle das finanças pessoais. Hoje em dia, temos muitas opções como, por exemplo, os cursos gratuitos de finanças pessoais ou ainda aplicativos de organização financeira.

Além disso, ao manter tudo em ordem, com o tempo você vai perceber porque é importante ter as finanças pessoais em dia. Você vai, por exemplo:

  • aprender a lidar melhor com seu dinheiro
  • aproveitar melhor seu salário
  • conseguir se organizar para pagar todas as contas em dia
  • investir e fazer seu dinheiro trabalhar para você

Os melhores cursos gratuitos para sair das dívidas

Quer começar 2021 saindo do vermelho? Então, está na hora de aprender um pouco mais de finanças pessoais. Confira os melhores cursos gratuitos abaixo.

20 cursos de finanças pessoais gratuitos

Para que seja mais fácil para você se organizar, nossa sugestão é que comece a aprender com alguns cursos que estão disponíveis na internet.

Atualmente, existe muito material gratuito e de qualidade. Por isso, separamos para você os 20 melhores cursos de finanças pessoais gratuitos.

Em suma, são cursos rápidos e você pode ir fazendo eles conforme tem tempo. Aliás, muitos deles podem ser finalizados em uma noite de estudos, o que é ótimo!

Não perca essa chance e comece hoje mesmo a mudar de vida!

1- Finança pessoal – SENAI

Com este curso de finanças pessoais gratuito do SENAI, você vai aprender, por exemplo, a equilibrar melhor suas finanças e qual é a importância disso.

E o melhor é que esse curso está disponível para pessoas que tenham mais de 14 anos. Ou seja, você não precisa esperar a vida adulta para começar a se organizar.

2- Gestão de finanças pessoais – Banco Central

Em resumo, neste curso de 20h de duração, você vai aprender como se relacionar melhor com seu dinheiro,

Para que isso aconteça, o curso conta a história de uma família que busca se relacionar melhor com o dinheiro. E, ao longo do processo deles, você vai acompanhando cada passo e aprendendo junto.

É uma das melhores opções de cursos de finanças pessoais gratuitos que a família toda pode acompanhar.

3- Formação de multiplicadores da série “Eu e meu dinheiro” – Banco Central

Neste curso, o Banco Central trata da gestão das finanças pessoais por meio de vídeos educativos.

Além disso, ao final de cada aula há um momento de discussão para que você possa refletir sobre os conceitos que são mostrados.

Em síntese, o curso fala sobre a diferença entre desejo e necessidade, como usar o crédito pessoal, a importância de economizar e mais uma série de assuntos.

4- Educação financeira para jovens – CVM

A CVM tem vários cursos de finanças pessoais gratuitos e, entre eles, está o Curso de Educação financeira para jovens.

Com ele, você vai aprender como consumir de modo inteligente. Além disso, ao final do curso, conseguirá montar um bom planejamento financeiro.

Ao concluir o curso, você faz uma avaliação e ganha o certificado.

5- Poupança e investimento – CVM

Depois que você fizer o curso de educação financeira, pode começar este sobre poupança e investimento.

Neste curso você vai aprender a diferença entre poupar e investir. Além disso, conseguirá aprender o básico sobre investimentos para poder começar o quanto antes.

6- Matemática financeira básica – CVM

Por fim, neste último curso da CVM, você vai aprender conceitos de matemática financeira básica para usar no dia-a-dia.

Com isso, poderá melhorar as suas decisões financeiras e usar melhor o seu dinheiro.

Ademais, fica a dica que você pode encontrar os três cursos de finanças pessoais gratuitos no site da CVM Educacional.

7- Trilha financeira – Serasa

O curso “Trilha financeira” vai te ajudar a sair das dívidas de maneira inteligente.

Além disso, ele conta com um time de especialistas em educação financeira que vão te ajudar a organizar as finanças pessoais, aumentar sua renda e a como realizar seus sonhos.

Aqui no site já fizemos um artigo especial sobre esse curso, não perca a chance de conhecer um dos melhores cursos de finanças pessoais gratuitos:

8- Como organizar o orçamento familiar – FGV

A Fundação Getúlio Vargas (FGV) também oferece uma série de cursos gratuitos de finanças pessoais gratuitos.

Entre eles, está o curso para organizar o orçamento familiar.

Com 12 horas de duração, neste curso você vai aprender, por exemplo, a identificar o seu perfil financeiro, como montar um planejamento financeiro e a organizar o orçamento familiar de modo inteligente.

9- Como gastar conscientemente – FGV

Ao longo de 8 horas de duração, com este curso da FGV você vai aprender como administrar melhor seu dinheiro.

Além disso, vai entender a diferença que existe entre o que você quer e o que você precisa, algo que é fundamental para manter as finanças pessoais sob controle.

Ademais, neste curso você aprenderá em quais momentos você deve comprar as coisas à vista e quando usar o crédito.

10- Gestão financeira – IPED

O Instituto Politécnico de Ensino a Distância (iPED) tem um curso de gestão financeira e finanças pessoais gratuito.

Com o intuito de te dar dicas de como administrar melhor o seu dinheiro, nesse curso você vai aprender a planejar e fazer alguns investimentos.

Além disso, aprenderá como administrar uma empresa, algo que pode te ajudar caso, no futuro, você queira ter seu próprio negócio.

11- Curso de investimentos – Magnetis

A Magnetis é uma plataforma de investimentos online e oferece um curso online gratuito sobre finanças e investimentos.

Neste sentido, vale a pena conhecer seu curso de investimentos em que vai aprender:

  • como criar objetivos financeiros
  • qual é o melhor tipo de investimento para o seu perfil
  • como começar a investir em renda fixa
  • o melhor jeito de montar uma reserva de emergência
  • como usar ferramentas de investimento que são gratuitas

12- Como planejar aposentadoria – FGV

Com um total de 12h, este curso vai te ensinar a se preparar melhor para o futuro.

Você vai aprender, por exemplo, a importância de se programar para ter um futuro mais tranquilo e com qualidade de vida.

Ademais, vai aprender a planejar como investir no longo prazo.

13- Como fazer investimentos – FGV

Na verdade, a FGV oferece dois cursos de investimentos.

No primeiro, você aprende o básico para começar a investir em 12h de curso.

Enquanto que, no segundo, você aprenderá como ter uma carteira diversificada e sobre os riscos nos investimentos. Ao todo são 8h de curso.

14- Guia de investimentos em renda fixa – B3

Para que você possa começar a investir com mais segurança, os cursos de finanças pessoais gratuitos da B3 podem te ajudar muito.

Neste sentido, o curso Guia de Investimentos em Renda Fixa vai te ensinar todos os tipos de investimentos em renda fixa.

Além disso, ele mostra o que você deve levar em conta ao investir, quais são os principais ativos e onde aplicar seu dinheiro.

15 – Curso do Tesouro Nacional

O Tesouro Nacional, que cuida dos investimentos em tesouro direto aqui no Brasil, tem 3 cursos que ensinam a investir nele.

Os cursos vão do modo básico até o avançado. Além disso, eles estão voltados para todas as pessoas que querem aprender e começar a investir em títulos públicos.

16- Mercado de ações – B3

Em 1h de curso, você vai aprender como funciona o mercado de ações e de fundos.

Além disso, poderá entender melhor como funcionam as operações da bolsa.

Recomendamos este curso para que você comece a entender mais sobre o mercado de ações e a bolsa de valores para considerar esta opção no futuro.

17- Tesouro direto: como investir – B3

Certamente, você já deve ter visto várias vezes os termos renda fixa e renda variável e talvez não tenha entendido a diferença entre eles.

Para que suas dúvidas sejam sanadas, o ideal é fazer este curso da B3.

Com ele, você vai aprender, por exemplo, a diferença entre renda fixa e variável, as características principais de cada investimento e como pode aplicar o seu capital da melhor maneira.

18- Como economizar em tempo de crise – FGV

Este é mais um dos cursos de finanças pessoais gratuitos da FGV.

Com o intuito de te ajudar a manter o orçamento no azul mesmo em momentos de crise, você vai aprender como permanecer firme em seus objetivos.

Além disso, você vai aprender como usar melhor seu dinheiro quando a grana estiver apertada.

19- Faça seu dinheiro trabalhar por você – ParMais

A ParMais é uma gestora de patrimônio que oferece, também, alguns cursos de finanças pessoais gratuitos. Com eles, você pode melhorar a sua saúde financeira.

Só para ilustrar, um desses cursos é o “Faça seu dinheiro trabalhar para você”.

Com ele você vai aprender alguns conceitos básicos para aprender a investir em renda fixa e variável. Para que, com isso, seu dinheiro passe a trabalhar por você.

20- 7 Pecados capitais financeiros – ParMais

Além do curso anterior, você também pode fazer o “7 Pecados capitais financeiros”.

Por meio dele, você vai aprender a identificar os principais erros de quem está começando a investir.

Ademais, ele te ensina a perceber esses erros nos seus investimentos e como você pode mudar de atitude para melhorar cada vez mais a maneira como você investe seu capital.

Por onde começar

Agora, enfim, chegou o momento da ação e você precisa decidir por onde vai começar a mudar de vida.

No entanto, depois de várias opções de cursos de finanças pessoais gratuitos, sabemos que pode ser um pouco difícil de escolher.

Por isso, nossa sugestão é que você defina quais são seus objetivos e depois faça a escolha.

Ou seja, defina o que precisa aprender e onde quer chegar com isso.

Por exemplo: se você precisa aprender a organizar seu orçamento doméstico, pode começar com o curso “Trilha financeira”, ou os cursos da CVM.

Agora, se quer aprender a investir, já pode passar para os cursos que ensinam sobre os tipos de investimentos e como começar.

Além disso, vale a pena conhecer algumas formas de fazer renda extra e ter mais dinheiro no final do mês para poder investir e realizar seus sonhos mais rapidamente.

Crise financeira: como organizar as finanças pesso

Saber como organizar as finanças pessoais não é fácil. E também não é algo ensinado na escola. Por isso, aprenda agora!

Você também pode gostar

content

Consulte CPF online e descubra se está negativo

Consulte CPF online e descubra se o seu nome está sujo na praça. Não precisa tempo e confira diretamente da sua casa, sem custo.

Continue lendo
content

Como solicitar empréstimo Credjet

Descubra o passo a passo para solicitar o empréstimo Credjet e poder equilibrar sua vida financeira de uma vez por todas.

Continue lendo
content

Cartão de crédito Venture Rewards: como funciona

Cartões de crédito costumam oferecer condições e muitas vantagens para os clientes. No caso do Venture Rewards, não é diferente. Saiba mais aqui!

Continue lendo