Empréstimo

O que é SFH e como funciona?

O SFH é um sistema que tem como principal objetivo auxiliar as pessoas a adquirirem a sua casa própria. Entender como ele funciona pode te ajudar bastante na hora da aquisição. Quer saber mais? Continue a leitura e confira!

Anúncios

por Maria Luiza Ishimoto

Publicado em 17/06/2022

Venha entender o que é o Sistema Financeiro de Habitação!

Entenda agora o que é o SFH. Fonte: Adobe Stock
Entenda agora o que é o SFH. Fonte: Adobe Stock

Se você já teve interesse em adquirir um imóvel, provavelmente já ouviu falar em SFH. Para quem não conhece o que é, o SFH é basicamente um sistema feito pelo governo brasileiro com o objetivo de facilitar a aquisição de casas pela população. 

Quer saber mais? Continue a leitura e confira mais informações!

Anúncios

O que é SFH e como funciona?

Se você quer saber o que é o SFH, está no lugar certo. Assim como falamos anteriormente, ele nada mais é do que o Sistema Financeiro de Habitação. Além disso, seu desenvolvimento ocorreu em 1964 e tem como principal objetivo auxiliar à população comum a conquistarem suas casas próprias. 

Então, a ação é feita por alguns meios e um deles é o pagamento a longo prazo. Isso porque parcelando o valor total, até mesmo as pessoas que ganham pouco conseguirão adquirir seus imóveis, tendo em vista que o valor da parcela se torna bem menor. 

Ademais, esse sistema está disponível em três modalidades diferentes. São elas a compra, a reforma e a construção de um imóvel. Desse modo, o usuário poderá escolher qualquer uma das três opções, de acordo com sua realidade e seus objetivos. 

Alinhadas com o objetivo do programa, as taxas de juros costumam ser baixas. Aliás, a instituição parceira do programa é a Caixa Federal Econômica. Nesse sentido, ela permite o uso do Fundo de Garantia como forma de pagamento, tanto para uma parcela única quanto para dar entrada. 

Outra opção disponível é a utilização da caderneta de poupança. Dentro do sistema ainda se enquadram aquisições feitas através do Minha casa Minha Vida. 

Todavia, das opções que integram o sistema, o financiamento pode chegar a até 80% do valor do imóvel, que por sua vez pode ser de até 1,5 milhão de reais. Por se tratar de um crédito como qualquer outro, o usuário precisará passar por uma análise. 

Essa, levará em conta o histórico de pagamento, score e etc. Em conclusão, o valor máximo da parcela é de 30% do salário do proponente. Já o prazo pode chegar a até 35 anos, permitindo que o usuário se organize financeiramente até o fim do pagamento. 

O que pode ser financiado no SFH?

Depois de saber o que é o SFH, uma dúvida que pode surgir é o que pode fazer financiamento. Assim como falamos anteriormente, seu uso abrange a compra de imóveis, reformas ou até mesmo construção. 

Entretanto, o SFH requer que o imóvel atenda alguns pré-requisitos. Dentre eles, estão o fato dele precisar ser residencial e estar em algum lugar urbano. Além disso, ele precisa estar registrado no cartório e não ter sido construído ou negociado com o valor do fundo de garantia. 

Ademais, é preciso que ele esteja dentro das condições que citamos anteriormente. Ou seja, o financiamento pode ser igual ou inferior a R$1,5 milhão. Nesse sentido, as parcelas podem atingir no máximo 30% do valor do salário do usuário. 

Outro pré-requisito do SFH é que o imóvel precisa estar localizado no mesmo município em que o proponente reside há pelo menos 1 ano. Outra opção é o município no qual ele exerce sua ocupação principal. 

Em conclusão, caso o usuário queira utilizar o FGTS como forma de pagamento de parte do imóvel, também é possível. Entretanto, será necessário seguir as mesmas regras que citamos anteriormente. 

Anúncios

Como conseguir um financiamento pelo SFH?

O sistema abrange compra, construções e até mesmo reformas! Fonte: Adobe Stock
O sistema abrange compra, construções e até mesmo reformas! Fonte: Adobe Stock

Depois de saber o que pode ser financiado pelo SFH, é importante saber o que é preciso para conseguir aderir ao serviço. 

Primeiramente, o proponente deve ser brasileiro, natural ou naturalizado. Além disso, a instituição com certeza fará uma análise de crédito para saber a chance de inadimplência. Portanto, é necessário não ter nenhuma pendência nos órgãos de crédito. 

No mesmo sentido em que falamos anteriormente, é preciso ter uma comprovação de renda mensal. Ou seja, comprovar que você terá dinheiro para cumprir com o pagamento acordado na hora da negociação. Aliás, é preciso ter 18 anos ou mais. 

Como falamos anteriormente, o SFH serve para auxiliar a população a adquirir a casa própria. Então, ao utilizar o programa, não será possível alugar o imóvel ou utilizá-lo para fins comerciais. 

Em resumo, o usuário precisará passar por algumas etapas para conseguir o imóvel. O primeiro deles é passar na análise de crédito. Por isso, pode ser bastante interessante verificar todas as instituições que oferecem o serviço. 

Em outras palavras, faça o máximo de simulações possíveis. Assim você terá uma noção mais fidedigna de quanto gastará mensalmente. Desse modo, conseguirá se organizar financeiramente, o que acarretará menor chance de inadimplência. 

Depois que seu cadastro for aprovado, o imóvel no qual está interessado passará por uma análise. Ela servirá para conferir que ele está nos pré-requisitos estipulados pelo governo. Aliás, será necessário entregar também os documentos pessoais. 

Qual o limite de financiamento no SFH?

O SFH também possui um limite! Fonte: Adobe Stock
O SFH também possui um limite! Fonte: Adobe Stock

Por fim, depois de saber o que é o SFH e a maioria de suas características, outra pergunta que pode surgir é com relação ao seu limite. Assim como falamos anteriormente, os imóveis financiados podem ter o valor de no máximo R$1,5 milhão. 

Além disso, o pagamento das parcelas pode comprometer até 30% do valor recebido mensalmente pelo proponente. Isso porque é o quanto o governo enxerga que é suficiente para que não aconteça a inadimplência.

Como o prazo pode chegar a até 35 anos, geralmente essas parcelas não são muito altas. Principalmente ao levarmos em consideração que o desenvolvimento do sistema foi para auxiliar a população comum a adquirir sua própria habitação. Nesse sentido, os juros costumam girar em torno de 7% a 8% e vão depender diretamente da taxa Selic. 

Financiamento imobiliário

Quer realizar o sonho da casa própria? Conhecer as melhores opções de financiamento é um ótimo começo!

Sobre o autor

Maria Luiza Ishimoto

Estudante de cinema na UFSC, já cursou 3 semestres em direito. Além de redatora, cria conteúdo e administra páginas no instagram. Tem uma grande paixão pela escrita e adora ler em seu tempo livre.

Revisado por

Tathiane Mantovani

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Comece a investir hoje com a corretora XP

Saiba porquê você precisa começar a investir hoje mesmo com a corretora XP. Conheça as qualificações, como abrir uma conta e os tipos de investimentos.

Continue lendo
content

Conheça o cartão Bitz

Você está procurando um cartão e não sabe qual escolher? Confira no post o cartão Bitz, ideal para aqueles que buscam praticidade.

Continue lendo
content

Liberada a consulta da cota extra do auxílio emergencial

O Dataprev liberou a consulta para descobrir se você tem direito a cota extra do auxílio emergencial em 2022. Confira mais informações aqui!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como solicitar o cartão BMG Vozão

Para solicitar o cartão BMG Vozão você precisa abrir uma conta online gratuita no banco e depois pode aproveitar o cashback nas compras. Confira!

Continue lendo
content

Conheça o cartão de crédito Chase Sapphire Reserve

Muitos bônus, pontos e até mesmo recompensas por gastos. Esse é o cartão Chase Sapphire Reserve. Conheça mais sobre as vantagens que ele oferece aqui.

Continue lendo
content

Como abrir a conta Neon

Com a conta Neon, você pode fazer transferências ilimitadas via PIX e tem o controle de suas finanças na palma da sua mão! Veja aqui como abrir a sua!

Continue lendo