Investimentos

IPCA: como esse índice influencia suas finanças

Você sabe o que é IPCA e como esse índice influencia suas finanças? Então, continue a leitura e saiba tudo sobre ele agora mesmo!

Anúncios

Entenda mais sobre o conceito

Entenda mais sobre o conceito. Fonte: Pexels.
Entenda mais sobre o conceito. Fonte: Pexels.

Primeiramente, você sabe o que é IPCA? Temos certeza de que já ouviu falar sobre essa sigla nos noticiários da TV. Isso porque ele é um índice que tem impacto no nosso dia a dia. Já que o IPCA está relacionado com a quantidade de produtos e serviços que você consegue adquirir com o seu salário mensal.

Ou seja, ele indica o poder de compra dos brasileiros. Por isso, é muito importante que a sociedade conheça esse índice, bem como entenda como ele funciona e quais são os impactos dele na nossa vida.

Ficou curioso? Quer saber mais sobre o IPCA? Então, continue a leitura e confira!

O que é e como funciona o IPCA?

O IPCA é a sigla que representa o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo. O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) é responsável por calcular e divulgar todos os meses esse índice.

Para isso, ele monitora a variação de preços de produtos e serviços de diversos segmentos em nível nacional com o intuito de verificar quais estão mais caros ou baratos em comparação com o mês anterior.

Por isso, esse índice é considerado um dos principais indicadores econômicos brasileiro. Já que ele indica o poder de compra das pessoas, ou seja, quantos produtos ou serviços elas podem adquirir com a sua renda atual.

Para que serve o IPCA?

Para que serve o IPCA? Fonte: Pexels.
Para que serve o IPCA? Fonte: Pexels.

O principal objetivo do IPCA é informar para os brasileiros a variação de preços dos produtos e serviços comercializados. Ele tem impacto direto na inflação, pois quando os preços aumentam o índice também aumenta e, consequentemente, estamos vivenciando a inflação.

Porém, quando esse índice diminui em consequência da redução dos preços dos produtos e serviços, temos um período de deflação. Vale destacar que podemos variar entre a inflação e a deflação de um mês para o outro, já que isso depende da variação dos preços.

Atenção. A Maria quer falar com você.

banner image

Estamos enviando diversas opções de cartões e empréstimos pré-aprovados no WhatsApp.

Você será redirecionado a outro site

Como esse índice afeta o dia a dia?

O IPCA impacta no dia a dia das pessoas, bem como interfere na economia, pois quando a renda não é suficiente a pessoa paga apenas as contas essenciais, como água, luz, telefone, entre outros.

E, ao mesmo tempo, economiza nas compras no supermercado e corta os itens supérfluos, como uma ida ao barzinho ou ao salão de beleza. Dessa forma, o comércio local perde a oportunidade de vender e faturar.

Portanto, quando o IPCA aumenta as pessoas deixam de comprar e isso impacta negativamente na economia. Por isso, o Banco Central monitora constantemente esse índice e quando necessário cria medidas para equilibrar a economia. 

Por exemplo, em período de inflação ele implanta estratégias para reduzir o valor dos produtos e serviços. Já quando existe deflação, é necessário criar alternativas para que as pessoas voltem a comprar para injetar dinheiro na economia novamente.

Tesouro IPCA ou Tesouro Selic?

Para decidir-se sobre Tesouro IPCA ou Tesouro Selic, é importante que você saiba a diferença entre os títulos. Confira!

Como o IPCA afeta os investimentos?

O IPCA tem impacto direto na economia do país, ou seja, ele interfere no poder de compra das pessoas, bem como nas políticas públicas relacionadas ao ambiente econômico. No caso dos investimentos, não seria diferente. 

Esse índice influencia diretamente na escolha do tipo de investimento que você pretende fazer. Já que é necessário analisar se a taxa de rendimento é maior ou menor que o IPCA. Mas, afinal, o que isso significa?

Se a taxa de rendimento do investimento for menor que o IPCA, significa que você perderá dinheiro com aquele ativo, ou seja, seu dinheiro vai desvalorizar. Já quando acontece ao contrário, ou seja, a taxa é maior que o IPCA, é possível obter bons rendimentos com o seu investimento.

Por isso, é essencial que você verifique a taxa de rendimento e compare com o IPCA antes de aplicar o seu dinheiro em investimentos. Lembre-se de que quanto maior a taxa de rendimento em comparação com o IPCA, melhores serão os seus resultados.

Como é calculado e acumulado o IPCA?

Como é calculado e acumulado o IPCA? Fonte: Pexels.
Como é calculado e acumulado o IPCA? Fonte: Pexels.

Como vimos anteriormente, o IBGE é responsável pelo cálculo do IPCA. Esse órgão coloca diversos especialistas para monitorar o mercado brasileiro para verificar os preços dos produtos e serviços vendidos.

Para isso, os especialistas acompanham o preço de 465 produtos e serviços, desde alimentos até serviços de streaming. Esses itens são consumidos por famílias que moram nas capitais e regiões metropolitanas e têm renda entre 1 e 40 salários mínimos.

Vale destacar que também existe o IPCA acumulado, que é a soma dos IPCA mensurados durante os meses de um ano. Ele ajuda a verificar se o poder de compra aumentou ou diminuiu de um ano para o outro.

Ou seja, se o IPCA subiu e, consequentemente, a inflação também e o seu salário continua o mesmo o seu poder de compra fica reduzido. Já quando acontece o contrário, você consegue ter mais condições para comprar itens que não são essenciais para a sua sobrevivência, como um carro, por exemplo.

Quais os outros tipos de impacto do índice?

Uma das medidas adotadas pelo Banco Central para regular a economia a partir do resultado do IPCA, é aumentar ou diminuir a taxa Selic, ou seja, a taxa básica de juros. Essa taxa impacta diretamente na taxa de juros dos produtos e serviços financeiros oferecidos pelas instituições financeiras.

Portanto, quando a taxa Selic está alta, os juros cobrados nos empréstimos, financiamentos, cheque especial e cartão de crédito são maiores. Mas, se ela está baixa, acontece o efeito contrário.

Vale destacar que quando os juros estão menores as pessoas sentem mais confiança para comprar à prazo e contratar produtos de crédito nos bancos. Mas, quando eles estão altos, existe uma redução no consumo dos produtos e serviços, em especial, os financeiros.

Agora que você já sabe o que é IPCA e como ele impacta no dia a dia das pessoas, que tal conhecer outros termos do mercado financeiro? Então, clique no conteúdo recomendado e confira!

Glossário do mercado financeiro

Vamos desmistificar vários termos do mercado financeiro para que fique mais fácil para você entender como investir, confira!

Em Alta

content

Descubra as principais vantagens do cartão Zencard

Descubra quais são as principais vantagens do cartão Zencard, além de isenção de anuidade e zero cobrança de tarifas. Ele pode ser o seu cartão ideal.

Continue lendo
content

Descubra como ganhar dinheiro divulgando ofertas

Quer fazer uma renda extra online? Pois você pode ganhar dinheiro divulgando ofertas da Submarino, Americanas e Shoptime! Saiba mais aqui!

Continue lendo
content

Conheça o cartão de crédito Unibanco Life

Você conhece o cartão de crédito Unibanco Life? Ele é um produto financeiro português com muitas vantagens. Leia o post e confira!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Veja como negociar o empréstimo consignado do INSS

Descubra como negociar empréstimo consignado do INSS com condições mais favoráveis e que caibam no seu bolso! Confira mais agora mesmo!

Continue lendo
content

Review cartão WiZink Rewards 2022

Neste review completo vamos te dar um panorama sobre o cartão WiZink Rewards que não cobra anuidade e dá acesso a descontos especiais. Veja!

Continue lendo
content

Cartão Montepio Classic ou Cartão BBVA Classic: qual o melhor?

O cartão Montepio Classic tem como vantagem o gestor de finanças pelo app enquanto o BBVA Classic se destaca pelos descontos. Saiba mais aqui.

Continue lendo