Empréstimo

Crédito Imobiliário Itaú: Conheça mais sobre!

Você quer adquirir seu imóvel próprio? Então conheça mais sobre o crédito imobiliário Itaú e suas vantagens!

Anúncios

por Aline Saes

10/02/2021 | Atualizado em 05/07/2021

Financiamento Imobiliário do Banco Itaú

Financiamento Imobiliário do Banco Itaú
Financiamento Imobiliário do Banco Itaú

O seu sonho é ter uma casa própria, mas parece um objetivo difícil e distante? Pois se esse é o seu caso, você precisa conhecer o Crédito Imobiliário Itaú. Esse tipo de empréstimo pode facilitar o sonho do imóvel próprio que precisa ser financiado. 

Mas nós sabemos que o financiamento pode trazer muitos medos, e entre eles o principal é o medo do endividamento. Então, queremos esclarecer de vez todas essas dúvidas e facilitar a sua organização financeira para solicitar um financiamento.

Portanto, reunimos uma série de dicas e informações sobre o crédito imobiliário Itaú para lhe ajudar a realizar o seu objetivo de financiar seu imóvel próprio. Então, confira a seguir!

Anúncios

Como funciona o financiamento do Itaú?

Como funciona o financiamento do Itaú?
Como funciona o financiamento do Itaú?

O Itaú é um dos bancos brasileiros que detém uma grande cartela de clientes em aquisição e construção. Então, ele perde apenas para a Caixa Econômica Federal como um dos bancos que as pessoas mais procuram para financiar a aquisição de seus imóveis.

E para aumentar a procura pelo Itaú para esse tipo de contratação de crédito, o banco anunciou uma série de redução de taxas de juros e mudanças nos valores possíveis para financiamento.

O crédito Imobiliário Itaú tem várias modalidades, como:

  • Tradicional: com taxa fixa ao ano, atrelada à Tarifa Referencial;
  • Home Equity: com uso de imóvel quitado como garantia, taxa mensal atrelada à Tarifa Referencial e até 10 anos para quitar;
  • Com garantia do imóvel financiado: ou seja, o valor que falta para quitar o imóvel já em financiamento será o limite do crédito oferecido ao cliente. E o prazo deve ser o mesmo que ainda faltava no financiamento do imóvel.

Valores e taxas do financiamento 

Valores e taxas do financiamento 
Valores e taxas do financiamento 

Confira os valores e taxas que começaram a entrar em vigor a partir de 2020 para o financiamento no crédito imobiliário Itaú:

  • Na linha de financiamento tradicional a taxa de juros é a partir de 6,9% ao ano mais a Taxa Referencial, considerado o menor em prática no mercado financeiro;
  • No caso do financiamento Home Equity – em que o cliente usa o próprio imóvel como garantia -, as taxas partem de 0,94% ao mês, mais a Taxa Referencial, com até 10 anos para pagar.
  • E o valor do financiamento para imóveis é a partir de R$ 134 mil.
  • Também é possível financiar até 82% do valor total, com um valor mínimo exigido de R$ 100 mil.
  • Tarifa administrativa relativa à gestão do contrato de financiamento, no valor de R$ 25 mensais;

Dessa forma, o crédito imobiliário Itaú vem se tornando um dos mais competitivos do mercado brasileiro. Portanto, não é à toa que o banco conta com cerca de 49 mil clientes no setor de aquisição e construção.

Anúncios

Pode compor renda com outra pessoa

Pode compor renda com outra pessoa
Pode compor renda com outra pessoa

Uma característica do financiamento Itaú é a possibilidade de compor renda com outra pessoa. Mas para isso é preciso que as duas pessoas estejam em uma união estável ou sejam casadas. 

Porém, se você for solteiro, é possível compor renda com outra pessoa. Para isso, essa pessoa deve comprovar ser solteira, ou seja, não estar casada ou em união estável com outra pessoa.

FGTS pode entrar no abatimento do valor

FGTS pode entrar no abatimento do valor
FGTS pode entrar no abatimento do valor

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), é um valor de direito do trabalhador em contrato de regime de Consolidação das Leis de Trabalho (CLT). E você pode sacar esse fundo de garantia em alguns casos.

Mas também no caso de você desejar comprar um imóvel ou amortizar financiamento imobiliário.

Portanto, o seu FGTS pode entrar no contrato como valor de entrada. Também é possível utilizar esse fundo de garantia para abater algumas parcelas do seu financiamento. 

Porém, existem algumas regras para utilizar o seu FGTS no abatimento do valor:

  • Nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Distrito Federal, o bem deve ter valor até R$ 950 mil;
  • Nas demais regiões do país, o valor do imóvel precisa ser de até R$ 800 mil.

Regras gerais da Caixa para uso do FGTS

image

Além disso, existem algumas regras que a Caixa Econômica Federal determina para a liberação do fundo de garantia para uso em financiamentos de imóveis.

Assim, pode ocorrer de três formas diferentes:

  • O fundo de garantia irá reduzir em até 90% o valor das próximas 12 parcelas do financiamento;
  • Também pode usar o FGTS para diminuir saldo devedor, com redução dos valores das parcelas;
  • E por último, você pode usar o FGTS para reduzir o número total de parcelas a pagar, mas mantendo o valor final do financiamento.

Além disso, para poder sacar o seu FGTS e utilizá-lo pelo crédito imobiliário Itaú, você precisa cumprir alguns requisitos segundo a Caixa. Então, você deve ter pelo menos três anos de trabalho sob regime CLT, consecutivos ou não.

Também não pode ter outro financiamento ativo no Sistema Financeiro de Habitação (SFH). E nem pode ser proprietário de imóvel urbano concluído ou em construção, na cidade de residência ou na qual trabalha. Finalmente, o valor da propriedade deve ser de até R $1,5 milhão segundo a avaliação.

Cobertura de seguro habitacional

Cobertura de seguro habitacional
Cobertura de seguro habitacional

Quem contrata o crédito imobiliário Itaú pode contar com a cobertura completa de um dos dois seguros habitacionais que a lei exige. Pois todo contrato de financiamento exige:

  • Seguro para Morte e Invalidez Permanente(MIP);
  • E o Seguro para Danos Físicos aos Imóvel (DFI).
  • Ambos chegam a custar até 8,8% ao ano junto às parcelas.

Portanto, se você fechar um contrato de crédito imobiliário Itaú, o banco irá cobrir o seguro para Morte e Invalidez Permanente (MIP). E este seguro garante que o Itaú irá quitar o saldo devedor existente no caso de falecimento ou incapacidade do contratante de exercer sua atividade remunerada.

Opção de crédito imobiliário corrigido pelo rendimento da poupança

Opção de crédito imobiliário corrigido pelo rendimento da poupança
Opção de crédito imobiliário corrigido pelo rendimento da poupança

Essa é uma modalidade bem recente de financiamento que o crédito imobiliário Itaú anunciou na metade de 2020. Porém, essa opção está disponível apenas para a compra de imóveis residenciais novos.

E essa opção pode ser muito vantajosa para novos clientes de financiamento imobiliário! Pois segundo informações do próprio crédito imobiliário Itaú, as parcelas mensais podem chegar a ser 20% menores do que as convencionais.

Então, confira as vantagens dessa modalidade:

  • Você poderá financiar até 90% do valor do imóvel, com prazo de até 30 anos;
  • E o valor de entrada é mínimo, de 10% do valor total;
  • As parcelas se baseiam no Sistema Único de Amortização Constante (SAC), que faz com que os valores das parcelas diminuam ao longo do tempo.
  • O FGTS também pode entrar como parte do pagamento nessa modalidade.

Quanto tempo o Itaú demora para liberar crédito imobiliário?

Quanto tempo o Itaú demora para liberar crédito imobiliário?
Quanto tempo o Itaú demora para liberar crédito imobiliário?

Depende do valor do imóvel que você pretende financiar. Ou seja, para propostas de até R$ 1 milhão, a análise de crédito será feita em até 1h.

Já para imóveis com valores acima de R$ 1 milhão, pode demorar até 1 dia útil para o Itaú analisar sua proposta e fazer a análise de crédito.

Quais as vantagens do financiamento do Itaú?

Quais as vantagens do financiamento do Itaú?
Quais as vantagens do financiamento do Itaú?

O programa de crédito imobiliário do Itaú oferece duas opções de financiamento. Então, vamos analisar cada uma e depois trazer a visão geral.

Crédito imobiliário corrigido pela poupança

Crédito imobiliário corrigido pela poupança
Crédito imobiliário corrigido pela poupança

Essa modalidade de financiamento do Itaú cobra juros abaixo do que ocorre nas demais instituições financeiras do mercado brasileiro. Porém, a vantagem desse crédito imobiliário está atrelada à flutuação da taxa.

E embora limitada em um teto de 10,2%, conforme juros e a remuneração da poupança comecem a aumentar, o valor do financiamento também pode subir.

Portanto, essa modalidade pode ser vantajosa principalmente para quem busca um financiamento de menor valor. E também por um período de tempo menor, de no máximo dez anos.

Crédito imobiliário tradicional

Crédito imobiliário tradicional
Crédito imobiliário tradicional

Com essa opção mais conhecida, a taxa é fixa e o prazo para pagamento é maior, chegando a até 30 anos. Portanto, é uma opção mais vantajosa e segura para quem irá financiar imóveis de grandes valores, e vai precisar de mais tempo.

Dessa forma, o cliente corre menores riscos em relação à créditos imobiliários com taxas flutuantes. 

Conclusão geral

Conclusão geral
Conclusão geral

 Em geral, o crédito imobiliário Itaú acaba sendo vantajoso em suas modalidades, por contar com taxas mais leves em comparação às concorrentes no mercado. 

Além disso, o banco conta com facilidade na contratação, cobertura de parte do seguro habitacional e a possibilidade de incluir gastos de cartório e impostos no financiamento.

Como solicitar o Crédito Imobiliário Itaú?

Como solicitar o Crédito Imobiliário Itaú?
Como solicitar o Crédito Imobiliário Itaú?

O Itaú buscou facilitar cada vez mais o processo de contratação dos seus serviços de financiamento de imóveis. Para isso, disponibiliza duas maneiras para solicitar um contrato:

  • Online, através do site do banco. E você ainda poderá acompanhar através do internet banking ou pelo aplicativo da instituição;
  • Também pode fazer a solicitação em uma agência física do Itaú. E para facilitar, o site te ajuda a localizar a agência mais próxima de você.

Portanto, o primeiro passo para a contratação pode ser por meio digital ou pessoalmente em uma das agências do Itaú. Porém, existe um processo que ocorrerá da mesma forma:

  • Primeiro, você deve fazer a simulação e enviar a proposta para o banco. E isso pod ser feito online ou presencialmente;
  • Após isso, você terá um retorno da análise de sua nota de crédito em até 1h, caso seu financiamento seja de um valor até R$ 1 milhão;
  • Então, vem a fase de envio da documentação para análise. E todo esse processo você poderá acompanhar através do internet banking do Itaú;
  • A última fase antes do contrato é a análise e avaliação do valor do imóvel a ser financiado. 
  • Finalmente, ocorre a emissão do contrato e o registro em cartório;
  • Após tudo isso, o crédito imobiliário Itaú estará livre para uso após 3 dias úteis.

Simulação do Crédito Imobiliário Itaú: saiba como fazer

Simulação do Crédito Imobiliário Itaú: saiba como fazer
Simulação do Crédito Imobiliário Itaú: saiba como fazer

A simulação do crédito imobiliário Itaú pode ocorrer de duas formas, assim como a contratação.

Portanto, você poderá simular seu financiamento online através de um simulador disponível no site. E também pode ir presencialmente até uma agência do Itaú para realizar a simulação com um especialista do banco.

Então, caso escolha fazer a sua simulação totalmente online, você deve acessar o site do banco Itaú e procurar no menu por “Simulador de Crédito Imobiliário”. Dessa forma, você pode ter uma primeira aproximação de valores, taxas e prazos.

Porém, para obter sua taxa personalizada, você deve enviar pelo site a sua proposta de financiamento completa.

Mas para o Simulador online mais preciso, você precisará preencher um formulário de cadastro e mais algumas informações, como:

  • Nome completo;
  • E-mail;
  • CPF;
  • Telefone de contato;
  • CPF adicional;
  • O valor do seu imóvel.

Então, para finalizar a simulação você deve autorizar a consulta e fornecimento dos seus dados SCR, e a troca dessas informações cadastrais com todas as empresas do conglomerado Itaú Unibanco.

Após isso, clique no botão “Simular”, e logo sua proposta será enviada e analisada em simulação. Mais abaixo, você pode fazer uma consulta simples aos valores de um financiamento, a partir de dados mais simples, como:

  • Valor do imóvel financiado;
  • Quanto deseja financiar;
  • Prazo para quitar o financiamento, em anos.

Então, logo abaixo o simulador irá lhe mostrar o resultado final:

  • Valor financiado;
  • Qual será o valor inicial das taxas;
  • O valor da primeira parcela;
  • E o valor da última parcela.

Finalmente, caso deseje poderá já enviar sua proposta ao banco, clicando no botão “Enviar proposta”. E segundo o site, você receberá um retorno por e-mail em até 1 hora após o envio da proposta.

O que fazer após quitar financiamento imobiliário?

O que fazer após quitar financiamento imobiliário?
O que fazer após quitar financiamento imobiliário?

Quando você terminar de quitar o seu financiamento imobiliário, não deve se esquecer que tecnicamente o banco tem direitos sobre o imóvel por conta do crédito imobiliário cedido a você.

Portanto, o imóvel que for quitado deve passar por um trâmite legal para garantir que o cliente é o proprietário oficial do bem adquirido através do financiamento. 

Pois esse trâmite é o chamado registro da quitação da operação, que deve ser feito no Cartório de Registro de Imóveis da jurisdição do imóvel quitado. 

E todo esse processo deve ser feito por conta da alienação fiduciária. Mas você sabe o que é isso? 

A Alienação fiduciária ocorre quando o banco financia um imóvel, e passa a ser o proprietário desse imóvel até que o cliente do crédito imobiliário finalize o pagamento das parcelas. 

Ou seja, o banco é o proprietário oficial do bem até que você quite todas as suas dívidas com ele, mas você terá a posse e uso do imóvel enquanto paga.

Portanto, após a quitação das parcelas é o fim do contrato de crédito imobiliário Itaú. Agora você deve registrar em cartório o termo de quitação de imóvel.

Assim que obtiver o documento, o que segundo a lei deve ocorrer em até trinta dias a contar da data de liquidação da dívida com o banco.

Passo a passo para o registro de quitação da operação

Passo a passo para o registro de quitação da operação
Passo a passo para o registro de quitação da operação

Após quitar todas as parcelas do seu financiamento, você deve seguir esse passo a passo para tornar-se oficialmente o proprietário de seu imóvel. Então, confira!

  • Você deve pedir à instituição financeira, no caso o banco Itaú, para emitir e enviar  o termo de quitação da dívida.
  • Pois é esse documento que permite ao cartório finalizar a situação de alienação fiduciária em registro desde o contrato do crédito imobiliário Itaú;
  • O banco terá até 30 dias corridos para lhe enviar o termo de quitação de dívidas;
  • Portanto, com esse termo de quitação em mãos, você deve ir ao cartório de Registro de Imóveis em que você registrou o seu imóvel ao contratar o financiamento;
  • Assim, o cartório irá retirar o banco como o proprietário oficial do imóvel, e colocar o seu nome como proprietário no registro;
  • Para isso, o termo de quitação deve conter a assinatura do banco credor. E isso irá lhe demandar custas cartoriais. 
  • Após isso, peça a certidão atualizada da matrícula do imóvel, com seu nome constando como o proprietário atual.

E pronto! Agora o imóvel não tem mais nenhuma ligação com o banco. E você é o proprietário oficial do seu bem adquirido. Portanto, celebre essa vitória.

Assim chegamos ao fim de nosso artigo sobre o crédito imobiliário Itaú, suas características e vantagens. Esperamos que seja mais fácil decidir pelo financiamento Itaú. Também entender todo o processo desde a simulação até a quitação da dívida com o banco.

Sobre o autor

Aline Saes

Mestre em História Social pela USP, com ênfase em História das Mulheres. É escritora autônoma para variados nichos desde história e finanças, até beleza e saúde. Sempre apaixonada pela escrita, tem como missão levar informação para as pessoas de forma simples e atrativa. Vê a importância em saber mais sobre a sociedade e tudo que nos cerca.

Revisado por

Tathiane Mantovani

Editor(a) sênior

Em Alta

content

Medida Provisória aprova renegociação de dívida do FIES

Se você é estudante e está com as parcelas do FIES atrasadas, o Governo Federal aprovou MP para a renegociação de dívida do FIES. Confira!

Continue lendo
content

Como abrir conta C6 Bank

Quer saber como abrir sua conta na instituição C6 Bank? No post de hoje falaremos detalhadamente sobre o processo. Confira!

Continue lendo
content

Tudo o que você precisa saber sobre o novo app Méliuz

O novo app Méliuz integra a plataforma de compras online da empresa com serviços de soluções financeiras e oferece diversos benefícios! Confira aqui!

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Como desbloquear o cartão Neon

Não sabe o que deve fazer para desbloquear o cartão Neon e usufruir de todos os seus benefícios? Então, confira este post que vamos te ajudar!

Continue lendo
content

Os salários mais altos do cinema: saiba quem são os artistas mais bem pagos de Hollywood

Segundo a lista da Forbes alguns dos artistas mais bem pagos de Hollywood são os que participaram de franquias Marvel. Conheça os outros aqui!

Continue lendo
content

Cartão Casas Bahia ou Cartão Pernambucanas: qual o melhor?

Hoje em dia é muito comum optar por um cartão oferecido por redes de lojas. Confira agora qual cartão escolher, Pernambucanas ou Casas Bahia.

Continue lendo