Dicas

Conheça o golpe do boleto falso

Você sabe como evitar o golpe do boleto falso? Então, continue a leitura e descubra as nossas dicas para você não cair na mão de golpistas.

Anúncios

Descubra como se proteger

Descubra como se proteger. Fonte: Pexels.
Descubra como se proteger. Fonte: Pexels.

Imagine você receber um boleto por e-mail ou pelo WhatsApp ou, ainda, baixá-lo por meio do app ou do site da loja e realizar o pagamento. E depois de alguns dias ou meses receber uma cobrança dizendo que o pagamento não foi efetuado. Nesse caso, a probabilidade de você ter caído no golpe do boleto falso é muito grande. 

Pensando em ajudar as pessoas a não correr esse risco, nós do Senhor Finanças resolvemos elencar as principais informações sobre esse crime para que você possa evitar esse tipo de situação desagradável. Quer saber mais sobre o golpe do boleto falso? Então, continue a leitura e confira tudo que separamos sobre este tema. Vamos lá!

Como funciona o golpe do boleto falso?

Infelizmente, a prática do golpe do boleto falso é mais recorrente do que pensamos. Os golpistas usam de diversas artimanhas para atrair pessoas de boa fé e fazer com que elas paguem boletos no qual o pagamento cai na conta do golpista.

Normalmente, eles criam páginas falsas similares às utilizadas pela pessoa para fazer o download da sua fatura, enviam e-mails ou mensagens de WhatsApp com cobranças indevidas, manipulam o código de barras de um boleto real, entre outros.

Vale destacar que existem diversas formas do boleto ser falsificado. Por exemplo, o computador do emissor do boleto pode estar infectado com um vírus que muda o código de barras no momento da emissão do documento. Ou, ainda, isso pode acontecer no momento do download do boleto no notebook do destinatário.

Também existe a possibilidade de ser vítima desse golpe ao usar um link falso criado por hackers para baixar o boleto. Assim como procurar o site do banco para atualizar o boleto no Google pode ser arriscado, já que a probabilidade de ser um site falso é muito grande.

Ademais, existem alguns casos que você recebe a ligação do credor dizendo que oferece ótimas condições para renegociar dívidas, mas na verdade é o golpista tentando emitir um boleto com a dívida para que você pague e ele fique com o seu dinheiro.

Por isso, é essencial ficar atento às boas práticas que vamos apresentar no decorrer do texto. Dessa forma, você evita cair no golpe do boleto falso e não sofre com os prejuízos proporcionados por esses golpistas mal intencionados.

Negativação indevida: como resolver essa situação

Foi negativado de forma indevida? Saia dessa situação. Saiba como procurar seus direitos e algumas outras dicas no texto abaixo.

O que fazer quando cair no golpe do boleto falso?

O que fazer quando cair no golpe do boleto falso? Fonte: Pexels.
O que fazer quando cair no golpe do boleto falso? Fonte: Pexels.

Paguei um boleto falso, e agora? Se você descobriu que caiu no golpe do boleto falso. É essencial que não demore para tomar as providências, pois quanto mais rápido descobrir e entrar em contato com o banco e o fornecedor, maior é a probabilidade de você conseguir reaver o seu dinheiro.

Diante disso, o primeiro passo é você entrar em contato com o banco no qual você fez o pagamento, já que o boleto demora 3 dias para compensar. Então, a instituição financeira tem tempo para verificar se realmente foi um golpe e cancelar a compensação do boleto.

Se o banco já transferiu o dinheiro para o banco destinatário, você precisa conversar com essa instituição financeira para notificar o golpe e verificar se eles podem fazer algo para ajudar. 

Também é possível entrar em contato com a empresa credora para avisar que eles estão sendo usados no golpe do boleto falso e pedir ressarcimento, caso necessário.

Por fim, faça um boletim de ocorrência na delegacia mais próxima ou pelo site do órgão. Dessa forma, você tem maior probabilidade de conseguir sucesso para reaver o dinheiro pago no boleto. Para isso, é necessário ter em mãos o boleto falso e o comprovante de pagamento.

Vale destacar que de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, em caso de golpe os emissores do boleto, ou seja, o banco e o credor, são responsáveis pelo ressarcimento do consumidor. Já que eles são responsáveis por oferecer um ambiente seguro para que o cliente emita o boleto.

Mas lembre-se de que existem exceções, caso seja provada a culpa exclusiva do consumidor ou de terceiros no pagamento do boleto falso. Dessa forma, você não conseguirá o ressarcimento do seu dinheiro.

Atenção. A Maria quer falar com você.

banner image

Estamos enviando diversas opções de cartões e empréstimos pré-aprovados no WhatsApp.

Você será redirecionado a outro site

Quais as boas práticas para se proteger desse golpe?

Quais as boas práticas para se proteger desse golpe? Fonte: Unsplash.
Quais as boas práticas para se proteger desse golpe? Fonte: Unsplash.

Existem boas práticas que podem te ajudar a se proteger do golpe do boleto falso. Pensando nisso, selecionamos as principais dicas para te ajudar a evitar esse problema. Continue a leitura e confira!

Verifique os dados do boleto

É essencial que você analise os dados do boleto para verificar se existe alguma inconsistência que possa sinalizar um golpe. Para isso, veja se há  erros de português ou de formatação. Essa é a inconsistência mais visível nos boletos falsos.

Assim como fique atento às mudanças de valor sem aviso prévio. Por exemplo, faturas recorrentes têm o mesmo valor todos os meses e qualquer mudança é informada com antecedência. Caso chegue um boleto com um valor muito diferente, entre em contato com o seu credor para verificar se está certo.

Também é importante verificar se os seus dados estão corretos, ou seja, nome completo, CPF, endereço, entre outros. Outro item que pode chamar a atenção são os últimos dígitos do código de barras, pois eles geralmente são a repetição do valor do boleto. Caso o código esteja diferente do valor, esse boleto pode ser falso.

Além disso, os números iniciais do código de barras é o código do banco, então verifique se o número está correto, ou seja, se o boleto é da Caixa Econômica Federal o código de barras deve iniciar com o número 104.

Cheque o credor

Checar o credor é muito importante, especialmente, em compras realizadas pela Internet. Diante disso, pesquise a reputação da empresa antes de fazer uma compra. Órgãos como o Procon e sites como o Reclame Aqui oferecem muitas informações sobre a credibilidade dessas lojas.

Dessa forma, você tem a certeza de que a loja realmente existe e pode confiar nos seus processos de vendas e de pagamentos. Se possível opte por compras que a forma de pagamento não seja boleto.

Use a leitura automática do código de barras

Dê preferência para usar a leitura automática do código de barras no momento do pagamento do boleto, seja no internet banking, no app ou no caixa eletrônico. Lembre-se de que um boleto com código ilegível pode sinalizar um golpe, já que você será obrigado a digitar o código manualmente.

Além disso, verifique se os dados que constam no boleto são os mesmos que aparecem na tela. Caso tenha alguma divergência, informe para o seu fornecedor para que ele emita um novo boleto para que você faça o pagamento.

Baixe o boleto do site do credor

É essencial que você baixe o boleto direto do site do credor para evitar problemas com o golpe do boleto falso. Mas, antes de baixar verifique se a página tem certificado SSL, ou seja, se no endereço do site consta https. 

Assim como evite usar conexões na Internet por meio de Wi-Fi público. Além disso, lembre-se de que os boletos enviados por e-mail ou pelo WhatsApp com notificação urgente tem grande probabilidade de ser falso. 

Ademais, também desconfie dos boletos que chegam pelo correio, pois alguns golpistas já estão conseguindo reproduzir até o envelope similar ao original das empresas. Diante disso, não se esqueça de checar os dados que constam no documento antes de pagá-lo.

Evite extensões suspeitas

Tome cuidado com a instalação de extensões suspeitas no seu navegador, elas parecem apenas uma nova funcionalidade, mas podem encobrir um vírus ou uma pessoa mal intencionada que pode roubar seus dados bancários, bem como alterar o seu boleto no momento do download. Para isso, use antivírus para proteger os seus dispositivos eletrônicos de extensões maliciosas.

Agora que você já sabe como acontece o golpe do boleto falso, bem como conhece as boas práticas para evitar que isso aconteça. Que tal descobrir como não  cair no golpe do empréstimo falso? Então, clique no conteúdo recomendado pela editora e confira nossas dicas!

Como não cair no golpe do empréstimo falso

Você tem medo de fazer empréstimos por que não confia neste modalidade de crédito? Então, confira como não cair no golpe do empréstimo falso.

Em Alta

content

Como abrir conta à ordem sem comissões OpenBank

A conta à ordem sem comissões do OpenBank funciona de forma online e você resolve tudo pela aplicação. Saiba aqui como aderir a este serviço.

Continue lendo
content

Conheça a conta à ordem Millennium Base

Conheça aqui a conta Base, serviço essencial do Millennium BCP que lhe garante acesso a uma conta com taxas fixas e um cartão de débito.

Continue lendo
content

Obtenha independência financeira com a revenda de produtos Cacau Show

Descubra como se tornar uma revendedora Cacau Show para vender chocolates e aumentar a sua renda, de forma fácil e online. Saiba mais aqui.

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Conheça a conta à ordem Montepio Ordenado

A conta à ordem Montepio Ordenado oferece um conjunto de benefícios que lhe ajudam a antecipar os rendimentos quando precisar. Saiba mais!

Continue lendo
content

Como se inscrever no Catador de Recicláveis

É catador de recicláveis e reside no estado do Ceará? Então, veja aqui se você tem direito e como se cadastrar no auxílio do governo!

Continue lendo
content

Conheça o crédito automóvel Banco Invest

Conheça o crédito automóvel Banco Invest e se surpreenda com os seus benefícios, como pagamento estendido, taxas diferenciadas e muito mais.

Continue lendo